Livro: O Corpo Fala – Pierre Weil em PDF

Download do Livro O Corpo Fala PDF

Neste post você terá acesso ao link para download do livro “O Corpo Fala” de Pierre Weil.

Mas se você quer ler algo surpreendente, antes de fazer o seu download, recomendo a leitura do livro “A lógica do Consumo”. Leia aqui  a resenha .

Alguns gestos e seus significados que aprendemos com o livro o Corpo Fala:

1. O cumprimento com a mão num forte aperto é sinal de que não há restrições. A mão frouxa é sinal de que a pessoa tem medo de ser envolvida.
2. Sentando com a pasta ou a bolsa sobre o colo, “protegendo o boi”. Significa que você não está à vontade.
3. Pés em direção a pessoa indicam que você se interessa por ela. Se eles estiverem voltados para a porta, é a direção em que o corpo quer ir.
4. Com braços cruzados no peito, você não quer mudar a opinião e nem aceitar o que estão lhe falando.
5. Puxar os cabelos significa que você busca uma grande idéia. Cotovelos apoiados fazem a delimitação de espaço quando a pessoa sente-se invadida, intimidada.
6. Morder a caneta e mexer no queixo mostram que a pessoa está estimando a situação proposta.
7.As mãos na frente da boca geralmente significam que a pessoa deseja falar algo, mas não tem a oportunidade ou não sabe ao certo o quê.
8. As mãos cruzadas para trás é um sinal que não se concorda muito com o alvo da discussão.
9. As mãos fechadas mostram insegurança, como se agarrasse algo para não cair.
10. Com as mãos abertas significa que concorda com a situação.
11.Se a estufa o tórax, ela quer se impor e se afirmar diante dos outros. O contrário mostra pessoas reprimidas, tímidas ou dominadas pela situação naquele momento.
12. Aumento da respiração significa tensão e emoções fortes.
13.Roer unhas e estas com as mãos que sempre mexem em tudo, é sinal de tensão.
14. Cabeça encolhida entre os ombros significa agressividade.
15. Queixo apoiado nas mãos mostra uma espera paciente.
Espero que gostem da leitura!
Clique AQUI para fazer o download do livro “O Corpo Fala”.

 

Técnico em Saúde Bucal – Introdução

Técnico em Saúde Bucal

INTRODUÇÃO | Curso de Administração de Serviços em Saúde Bucal – FEMAGUE

As organizações de diversos setores estão cada vez mais preocupadas com a qualidade dos seus serviços. Nesse contexto, um setor que se destaca é o da saúde, porque sua clientela deseja, cada vez mais, a satisfação de suas necessidades de saúde e de doença, com qualidade.

A gestão dos serviços de saúde tem sido enfatizada como um importante instrumento para se operacionalizar a construção de modelos de atenção em saúde que atendam essas necessidades.

Entretanto, as alterações ocorridas na prestação de serviços de saúde, a exemplo da evolução tecnológica e das mudanças nas relações socioeconômicas, têm afetado significativamente os padrões de assistência e, consequentemente as práticas da Odontologia.

A estrutura organizacional dos serviços de saúde acompanha as transformações da sociedade contemporânea e está centrado em modelos tecnoburocráticos de gerenciamento, pautada nas teorias administrativas, seguindo especialmente princípios da Administração Científica, da Escola Clássica e da Teoria da Burocracia.

As aplicações das teorias administrativas na Odontologia, têm influenciado ao longo do tempo, a organização do trabalho da equipe no consultório e no sistema público de saúde, refletindo na produtividade e na qualificação do profissional do Técnico em Saúde Bucal, na integralidade do cuidado e na divisão de tarefas, evidenciando a complexidade do setor saúde e do trabalho deste profissional.

Atualmente, as práticas realizadas nos serviços de saúde passaram a ser considerados produtos e, assim, passíveis de exigência de qualidade e, consequentemente, de serem submetidos a medidas avaliativas. Com a expansão dos serviços privados e a competitividade própria do mundo capitalista, esta exigência tornou-se notória, com participação, também, do setor público, pois os cidadãos passaram a entender a qualidade como direito social.

O serviço odontológico pode ser considerado um serviço que envolve alta complexidade, pois envolve vários tipos de materiais e fornecedores, profissionais especializados e equipe auxiliar. Esse conjunto de fatores, interagindo de maneira dinâmica e personalizada de acordo com a necessidade de cada paciente, aliado à grande competitividade existente no mercado atual, desperta a necessidade do uso de conceitos de administração para melhor gerenciar um consultório odontológico. Com a saturação de profissionais em certos mercados, há atualmente uma grande oferta de serviços odontológicos, o que urge por uma maior diferenciação dos serviços oferecidos para se obter vantagem competitiva. Tal diferenciação depende não somente dos aspectos técnicos relacionados ao bom exercício da Odontologia, mas também no que diz respeito à gestão de um consultório odontológico, ou seja, a definição do planejamento estratégico, análise financeira e administração de pessoal.

Ressaltam-se abaixo as competências do profissional Técnico em Saúde Bucal, pertinente à este curso de Administração de serviços em Saúde Bucal:

  • Planejar e estruturar o consultório odontológico segundo normas técnicas e leis vigentes.
  • Identificar princípios e técnicas de controle financeiro e orçamentário, de administração da produção, de administração de pessoal conforme a CLT, no consultório odontológico.
  • Organizar e controlar o cadastro, arquivo, fluxo e agendamento de clientes/pacientes.
  • Controlar a qualidade, quantidade e estoque de matérias.
  • Identificar necessidades e proceder à conservação e manutenção dos materiais, instrumentais e equipamentos de uso odontológico.

E também, em resumo, conferem-se as habilidades requeridas:

  •  Aplicar princípios e técnicas da administração financeira e de recursos humanos.
  •  Preencher fichas e relatórios de produção e produtividade.
  •  Utilizar programas específicos de Informática para área Odontológica.
  •  Utilizar e orientar acerca do sistema de informação em Odontologia.
  •  Supervisionar o trabalho do pessoal auxiliar.
  •  Acompanhar as ações desenvolvidas por pessoal auxiliar, na prestação de cuidados em Saúde Bucal.

O adequado uso dos recursos apresentados neste curso facilitará a implementação do planejamento estratégico no consultório odontológico, permitindo ao mesmo, obter vantagem competitiva através dos conhecimentos adquiridos pelo profissional Técnico em Saúde Bucal.
A disciplina de Administração de Serviços em Saúde Bucal , do curso de Técnico de Saúde Bucal da FEMAGUE trata da aplicação das teorias de administração em um consultório odontológico seja ele privado ou público. A utilização destes conceitos básicos de administração e a necessidade de satisfazer as demandas do ambiente trouxeram ao profissional Técnico em Saúde Bucal a responsabilidade necessária para realizar o atendimento em saúde assim como o controle que facilita a tomada de decisão do Cirurgião-dentista.